Terça, 23 Outubro 2018 13:40

Pastoral da Educação Regional realiza formação na Diocese de Itumbiara

No fim de semana, dia 20 de outubro, a Pastoral da Educação do Regional Centro-Oeste da CNBB, realizou formação para educadores na Diocese de Itumbiara. O objetivo do encontro foi formar um grupo naquela igreja particular que seja multiplicador dos trabalhos desenvolvidos pela pastoral. “Nós estamos aqui para propagar a Pastoral da Educação. Por isso, trazemos elementos de irradiação para que vocês levem adiante e se multipliquem pela diocese. Este pequeno grupo já é um início”, motivou em sua fala o bispo auxiliar de Goiânia e referencial para a Pastoral da Educação no Regional, Dom Levi Bonatto.

Prof. Valdivino José Ferreira, coordenador da Pastoral, disse que o desafio de educar hoje com princípios cristãos começa com os educadores. “Somos da Igreja, mas temos nos desligado e muitas vezes não assumimos o compromisso de cristãos que evangelizam lá fora”. Ele explicou em sua apresentação, que a Pastoral da Educação “é a ação evangelizadora da Igreja no mundo da educação, compreendido como instituições de educação formal ou popular, sistematizada ou ocasional; estrutura, processos, políticas e práticas educativas; pessoas e comunidades envolvidas na educação”.

O coordenador continuou sua reflexão explicando aos presentes que a Pastoral tem o objetivo de promover, articular, animar e organizar a educação a partir do seguimento a Jesus Cristo constituindo-se sinal do Reino de Deus no mundo. “Como educadores cristãos devemos observar os cenários e tendências atuais para identificar fortalezas, limitações, ameaças e oportunidades para que a Igreja possa ser presença no mundo da educação regional”, afirmou o professor. Para isso, é necessário ter referencial teológico para uma educação cristã, se abastecer em fundamentos bíblicos, retornar à fonte que é Jesus Cristo.

Padre Francisco Agamenilton, que é diretor espiritual da pastoral, explicou que é indispensável aos educadores, ter uma experiência com cristo a partir da iniciação à vida cristã. “Nós temos nosso jeito de viver a vida com Cristo como educadores e agentes dessa pastoral. Como um modo de se aproximar e caminhar, podemos propor para os educadores um jeito de ser cristão e de estar no mundo da educação”, disse o sacerdote. Ele também explicou que vários são os caminhos para se chegar a Deus, embora seja fundamental fazer uma caminhada com a comunidade. Segundo ele, para que isso aconteça, é importante cultivar a relação com Deus. “Os Sacramentos, por exemplo. Por meio deles podemos cultivar a relação com o Senhor, pois eles são sete sinais visíveis da graça do Pai. O encontro com ele pode ser feito por meio do outro também”. Ao fim do encontro, prof. Valdivino apresentou ao grupo algumas iniciativas práticas que podem ser desenvolvidas para evangelizar por meio da Pastoral da Educação: pensar a atuação no bairro em que está a paróquia, convidar qualquer batizado para participar da pastoral, promover a missa de abertura do ano letivo, desenvolver atividades em sintonia com a Campanha da Fraternidade, realizar concurso de redação com os alunos, realizar a Semana de Oração do Ano Letivo, buscar parcerias; na Páscoa, promover palestras, distribuir panfletos, desenvolver retiros espirituais com professores, realizar atividades em dias celebrativos, como Dia do Estudante, Dia do Professor, Grito dos Excluídos, entre outros.

O grupo de Itumbiara se comprometeu a levar adiante a Pastoral da Educação naquela igreja particular. Os educadores que participaram da formação deverão estar em comunhão com a Comissão Regional e participar de outros encontros, com o objetivo de embasar e fortalecer o seu processo de implantação e expansão. 

Padre Victor, da Paróquia Cristo Rei, de Itumbiara, disse que é importante trazer para o âmbito da Pastoral da Educação, o cuidado com os cuidadores, ou seja, o cuidado com os professores que são aqueles que cuidam da educação das crianças, dos jovens e dos adultos. “Precisamos ser instrumento de cuidado, cuidar de nós mesmo para que possamos ajudar esses profissionais que também cuidam das ovelhas”, afirmou. Ele agradeceu também a presença da pastoral. Mariúsa Rodrigues Carvalho Santos, professora e pedagoga, comentou que estava afastada da Igreja e que a formação a ajudou a repensar sua caminhada cristã. “Vi que podemos fazer a diferença na educação e esse encontro veio ao encontro do que estamos precisando”. Kelly Cristina Vilela Gonçalves, que também é pedagoga e atua no ensino público de Itumbiara, disse que a formação foi um tesouro que deve ser valorizado e colocado em prática. “Esse rico conteúdo que trouxeram trata-se de um tesouro muito necessário que nos lembrou do compromisso de sermos cristãos em nossa profissão de ensino. Quero colaborar e poder integrar essa importante pastoral da Igreja”, declarou. 

Fotos do evento, clique aqui

Vídeo



Ação evangelizadora da Igreja no mundo da educação, compreendido como instâncias ou instituições de educação formal ou popular, sistematizada ou ocasional, estruturas, processos, políticas e práticas educativas; e, prioritariamente, pessoas e comunidades que se envolvem com educação. Pretende ser a presença evangelizadora da Igreja no mundo da educação, possibilitando, por meio de processos pedagógicos, dinâmicos e criativos, o encontro das pessoas com os valores do Reino de Deus.

Bispo referencial

Dom Levi Bonatto

Coordenador: Valdivino José Ferreira

Contatos: (62) 99925-5015
E-mail: profvaldivinojf@gmail.com

© 2018 CNBB Centro-Oeste - Todos os direitos reservados

Rua 93, nº 139, Setor Sul, CEP 74.083-120 - Goiânia - GO - 62 3223-1854